Governo do Estado do Rio de Janeiro
SECRETARIA DE GOVERNO
Para DENÚNCIAS e ORIENTAÇÕES ligue para 151 e o horário de funcionamento é de segunda à sexta de 07:00 às 19:00.

EDUCAÇÃO
PARA O CONSUMO

Saiba o que determina o Código de Defesa do Consumidor e aprenda a usar os seus direitos.
ENTENDA MAIS

Veja como o PROCON orienta de maneira simples e clara o consumidor, antes de realizar as compras ou adquirir serviços.
VER DICAS

Conheça o Código de Defesa do Consumidor (Português, English, Español).
MAIS INFORMAÇÕES

NOTÍCIAS

Procon Estadual descarta mais de 1,2 tonelada de alimentos impróprios para o consumo

11.09.2017 - 17:10
site_1505160314.84.jpg

Em nova etapa da Operação Secos e Molhados, o Procon Estadual vistoriou 10 estabelecimentos nesta segunda-feira (11/09), incluindo seis mercados, uma drogaria, uma imobiliária, um parque aquático e uma confeitaria nas cidades do Rio, Niterói, São Gonçalo e Nova Iguaçu. Do total de locais vistoriados, oito foram autuados e os fiscais descartaram 1 tonelada, 276kg e 920g de alimentos impróprios para o consumo.

A maior parte desses produtos estava no Universo do Padeiro (Estrada de Austin, 1.101, Cacuia, Nova Iguaçu). Lá havia 1 tonelada, 129kg e 100g de alimentos vencidos ou sem informação do prazo de validade, como linguiças calabresa e fina, salsicha, mortadela e frutas secas cristalizadas. Além disso, os fiscais constataram a presença de gatos no interior do estabelecimento.

No supermercado Vianense (Avenida Brasil, 6.288, Bonsucesso) havia muito mofo na área das câmaras frigoríficas, que invadiu até a caixa onde estavam armazenados 28kg e 500g de bacalhau mal armazenado. As câmaras tinham pallets de madeira (a legislação determina que os suportes sejam de material lavável), ferrugem nas estruturas das prateleiras, piso quebrado e portas e portais enferrujados. Já o Aquamundi Kart e Diversões Aquáticas (Rua Roque Barbosa, 17, Bangu) foi autuado porque, entre outras irregularidades, proibia a entrada no estabelecimento com comidas e bebidas. O local também não tinha guardião na piscina.

Não foram encontradas irregularidades no Carrefour Manilha (Rua Doutor Oliveira Botelho, s/nº,São Gonçalo) e no Assai (Rua Benjamin Constant, 263 Niterói). Todos os locais foram fiscalizados a pedido do Ministério Público Estadual, exceto o supermercado Vianense.

 

Balanço da Operação Secos e Molhados:

1 - Supermercado Vianense (Avenida Brasil, 6.288, Bonsucesso): 70kg de linguiça calabresa vencida encontrada na câmara frigorífica. 28kg e 500g de bacalhau mal armazenado, em contato com caixa repleta de bolor e com odor e aspecto característicos de podre. Câmaras com pallets de madeira, ferrugem nas estruturas das prateleiras, piso quebrado e portas e portais enferrujados.Teto da antecâmara cheio de mofo.

2 - Drogarias Pacheco (Praça das Nações, 185, Bonsucesso): Ausência da revista do Preço Médio ao Consumidor (PMC). Ausência de preços em produtos expostos na vitrine, no balcão e no interior da loja. Produtos vencidos: 6 vidros de esmalte (3 de 7,5ml e 3 de 8ml).

3 - Universo do Padeiro (Estrada de Austin, 1.101, Cacuia, Nova Iguaçu): Produtos vencidos: 482kg e 500g de linguiça calabresa, 304kg de apresuntado, 90kg de ameixa sem caroço, 30kg de uva passa, 55kg de linguiça fina, 69kg e 300g de salsicha, 25kg de mortadela, 4kg e 500g de ovo de codorna, 1kg e 800g de requeijão, 2kg e 800g de pão de alho e 2kg de cheddar fatiado e mofado. Produtos sem especificação da validade: 56kg de frutas secas cristalizadas e 6kg e 200g de requeijão cremoso. Presença de gatos no interior do estabelecimento. Alimentos no chão e em pallets e estrados de madeira. Ausências do certificado de potabilidade da água e do alvará de funcionamento.

4 - Nando mercado (Rua Álvares de Azevedo, 101, Icaraí): Frios sendo vendidos com prazo de validade superior ao indicado pelo fabricante. Câmara frigorífica suja. Os fiscais deram um prazo de 48 horas para a limpeza. Produtos sem especificação da validade: 3kg e 100g de presunto de peru, 500g de presunto, 1kg e 500g de champignon, 2kg e 600g de salsicha, 6kg de azeitona, 14kg de carne, 1kg e 800g de carne moída e 1kg e 400g de linguiça. Ausência do certificado de dedetização. Os fiscais deram um prazo de 24 horas para a realização do serviço.

5 - Confeitaria Beira Mar (Rua Coronel Moreira César, 149, Niterói): Certificado de aprovação do Corpo de Bombeiros não atualizado, pois foi emitido antes das obras feitas no estabelecimento.

6 - Renascença administradora de imóveis (Rua Rodrigues Caldas, 631, Taquara, Jacarepaguá): Ausências do Código de Defesa do Consumidor, do Livro de Reclamações, do cartaz do 151 e do certificado do Corpo de Bombeiros. Os fiscais deram um prazo de 24 horas para a apresentação de contrato de locação.

7 - Aquamundi Kart e Diversões Aquáticas (Rua Roque Barbosa, 17, Bangu): Proibição de entrada no estabelecimento com comidas e bebidas. Ausências do alvará de funcionamento, do certificado do Corpo de Bombeiros, do Código de Defesa do Consumidor, do Livro de Reclamações e de guardião na piscina.

8 - Supermercado Intercontinental (Avenida Cônego de Vasconcelos, s/nº, Bangu): 820g de linguiça de pernil vencida. Produtos sem especificação da validade: 15kg e 200g de linguiça de pernil e 2kg e 400g de peito bovino. Câmara com piso quebrado.
Tecnologia PRODERJ - Todos os direitos reservados
Esta obra é licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuio 2.0 Brasil